Pages

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Aumento da Licença Paternidade

Achei excelente... queria saber mais detalhes sobre o projeto. Depois da possibilitade da licença maternidade maior para estimular a amamentação agora chega o aumento da licença paternidade. Só espero que os papais a usem para ajudar as mamães nesta fase de adaptação ao universo materno.

Segue notícia retirada do Folha Online:


07/08/2008 - 10h14 Senado aprova licença-paternidade maior

do Agora

Foi aprovado ontem na Comissão de Assuntos Sociais do Senado o projeto que aumenta de 5 para 15 dias a licença-paternidade -tempo de folga do pai após o nascimento do filho. O texto estende o direito a quem adotar uma criança.

A proposta é da senadora Patrícia Saboya (PDT-CE), que também elaborou o projeto que amplia a licença-maternidade de quatro para seis meses e aguarda votação na Câmara.
Segundo o texto, os trabalhadores não terão prejuízo salarial nem poderão ser demitidos durante a folga.

O projeto segue para a Câmara. Se for aprovado, será encaminhado para sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O direito à folga começa um dia depois do nascimento do bebê. Caso o funcionário esteja em férias, a licença começará a ser contada após esse período.

"O projeto terá grande alcance social e contribuirá para o fortalecimento da família brasileira", disse a senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN).

A CNI (Confederação Nacional da Indústria) é contra a licença-paternidade maior. Argumenta que ela diminuiria o tempo de serviço dos trabalhadores por mais dias e aumentaria os custos das empresas.

3 comentários:

JULIANA disse...

Pena que meu marido é freela, não rola ficar sem trabalhar. O que a gente vai fazer por aqui é tentar se organizar pra ele poder ficar em casa o máximo possivel no primeiro mês!
Mas essa lei é excelente!

Anamaria - mãe feliz e babona disse...

Ju,

acho poupar a melhor opção... não sei se como autônomo ele poderia contribuir p/ a licença como as mulheres podem... vo tentar descobrir.

Andanhos disse...

Oi, Anamaria! Acredito que esse projeto seja super válido e importante para a família e para o contato dos papais com seus filhos, além de ajudar bastante as mamães.
Tomara que as empresas o respeitem e coloquem em prática.
Beijos.